PORTUGUÊS ENGLISH
  |  
NOTÍCIAS
O DESEMPENHO DO TURISMO E A NECESSIDADE DE ESTRATÉGIA
2014-03-20

O turismo português está de parabéns! Os números atestam que 2013 foi um dos melhores anos para o turismo, com entidades internacionais a premiar a qualidade das nossas cidades.

Também o nível de confiança dos empresários no desempenho do sector turístico atingiu o seu máximo em Dezembro passado.

Este desempenho ficou a dever-se a um conjunto de factores, de onde se destacam o aumento da procura externa, derivado da melhoria económica dos mercados emissores, a óptima relação qualidade/preço da nossa oferta, e a instabilidade no Norte de África.

 

É verdade que estas notícias não se traduzem em resultados imediatos para todos os portugueses. Porém, também é verdade que não chegamos ao actual estado de coisas de um dia para o outro.

 

Temos de trilhar um caminho de exigência, de qualificação, de criação de competitividade para as nossas empresas e destinos, e alinhar pelo que de melhor se faz no mundo, tentando ser diferentes e genuínos.

 

Recentemente perguntaram-me se o sucesso do turismo português se devia, em grande parte, à crise do Norte de África, e se, quando esta terminasse, voltaríamos ao mesmo estado de coisas. Respondi que é verdade que temos aproveitado essa situação, mas que estamos a trabalhar para que essa oportunidade se torne sustentável e que Portugal venha a ser primeira escolha para quem nos visita.

E afirmo isso, tendo por base o esforço e a capacidade de resiliência e criatividade dos empresários do sector do turismo.

 

A dinâmica do Porto e de Lisboa, que se têm vindo a estabelecer como destinos e produtos alternativos e complementares ao Algarve, são exemplos disso. Temos de continuar a inovar, a melhorar os nossos produtos e destinos, e a reclamar condições de maior competitividade para o nosso Turismo.

 

Porém, apesar destes sinais positivos e de vermos os nossos esforços a serem recompensados, ainda temos grandes desafios pela frente e problemas que urge resolver, como:

- A perda de competitividade, derivada da quebra de poder de compra dos portugueses e do aumento dos impostos sobre os bens e serviços do turismo;

- Os baixos preços médios, tornando o investimento pouco atractivo. Para atacarmos estes problemas, temos de tornar o turismo verdadeiramente estratégico para o nosso país. Temos de estabelecer metas e objectivos, de definir planos e acções para os atingir, e isto, não só ao nível das empresas do sector, mas também, das entidades que tutelam o turismo.

 

Esta abordagem, na sua essência, não é mais que a criação de uma estratégia nacional para o turismo, onde públicos e privados se unem para assumir uma causa comum: o turismo como pilar da modernização e desenvolvimento do país. Para conceber e implementar esta estratégia, poder-se-ia criar a "agência nacional para a qualificação e competitividade do turismo"!

 

E o modelo de promoção, uma vez definida a estratégia, e convém lembrar que a estrutura deve seguir a estratégia e não o contrário, sob pena de termos de "encaixar" uma estratégia numa estrutura já existente, deve pensar-se a promoção do país como destino turístico.

 

Ora, discutir profundamente um modelo de promoção, leva, no contexto actual, a ter de se falar sobre a nova agência nacional de promoção turística.

 

Aqui, surge, como aspecto central, o modelo de funcionamento desta entidade, e a sua pertinência para se alcançar uma promoção mais eficaz e eficiente.

 

Naturalmente, não se deve replicar estruturas, não se deve esquecer as especificidades das regiões nacionais e dos produtos estratégicos, bem como, o facto de uma entidade desta natureza dever ter um modelo de gestão profissional, centrado nos resultados e no "accountability".

 

A decisão da criação de tal estrutura para a gestão da promoção externa deve deixar bem claro, junto do sector do turismo e dos contribuintes, a sua necessidade e a relação inequívoca de custo/benefício para o país. Se possível, saber onde já se adoptou este modelo e quantos lugares esses países subiram no ranking internacional dos destinos turísticos, fruto do mesmo.

 

Nota final: É claro que Portugal está na moda! E é também claro que estamos a caminhar para um país/destino onde o bom gosto, a qualidade e a sofisticação se afirmam diariamente. Porém, não podemos abrandar os esforços, nem adormecer à sombra do sucesso. Sucesso gera responsabilidade, e tenho a certeza que todos estaremos à altura do desafio.

 

Fonte: Publituris, 20-03-2014

> PORTUGUESES ESCOLHEM FAZER FÉRIAS CÁ DENTRO
> TURISTAS DUPLICAM GASTOS NO PORTO E NORTE
> TURISTAS QUE VISITAM O PORTO E NORTE DE PORTUGAL GASTAM MAIS 192 EUROS FACE A 2013
> HÁ MAIS PORTUGUESES A NÃO FAZER FÉRIAS NESTE NATAL E REVEILLON
> SETOR DO TURISMO PREVÊ MELHORES RESULTADOS EM 2015
> FIT'15 - TURISMO RESISTE À CRISE, MAS É PRECISO MELHORAR ATRATIVIDADE
> TURISMO PORTUGUÊS BEM ENCAMINHADO PARA CAPTAR MAIS TURISMO ASIÁTICO
> BRASILEIROS SÃO OS QUE MAIS GASTAM NO PORTO E NORTE
> AÇORIANOS DIZEM QUE APOSTA NO TURISMO DEVE PASSAR PELA NATUREZA
> 1 EM CADA 3 PORTUGUESES VAI GOZAR FÉRIAS NESTA PÁSCOA
> TURISTAS ANGOLANOS SÃO OS QUE MAIS GASTAM NO PORTO E NORTE DE PORTUGAL
> GOVERNO DOS AÇORES PROMOVEU ENCONTRO DO TURISMO EM PONTA DELGADA
> VISITAS A FAMILIARES E AMIGOS SÃO PRINCIPAL RAZÃO PARA VIAJAR ATÉ AO PORTO E NORTE
> ESTUDO DAS INTENÇÕES DE FÉRIAS DOS PORTUGUESES - VERÃO 2015
> TURISMO NACIONAL EM ANÁLISE NA REVISTA WORLDWIDE HOSPITALITY AND TOURISM THEMES
> TOURISM TRENDS REVIEW "TURISMO 2015": 2015 SERÁ MELHOR DO QUE 2014
> ESTUDO: CONHECE OS AÇORES?
> ÍNDICE DE CONFIANÇA NO SETOR DO TURISMO ATINGE VALOR MAIS ELEVADO DE SEMPRE
> METADE DOS PORTUGUESES VAI DE FÉRIAS ESTE VERÃO
> SEIS DIAS, 762 EUROS: COMO UM TURISTA EXPERIMENTA O PORTO E NORTE
> IPDT CELEBRA DIA MUNDIAL DO TURISMO COM CONCURSO DE FOTOGRAFIA
> GOVERNO DEVE REDUZIR CARGA FISCAL NO SETOR DO TURISMO
> IPDT COORDENA REVISTA CIENTÍFICA INTERNACIONAL DE HOTELARIA E TURISMO
> TURISTAS DO PORTO E NORTE MUITO SATISFEITOS E COM INTENÇÃO DE RECOMENDAR O DESTINO
> 2 EM CADA 5 INQUIRIDOS VAI DE FÉRIAS NESTE NATAL E RÉVEILLON
> INSTABILIDADE POLÍTICA NÃO VAI AFETAR DESEMPENHO DO TURISMO EM 2016
> GASTO TURÍSTICO NO PORTO E NORTE AUMENTA 10 POR CENTO
> ESTUDO DAS INTENÇÕES DE FÉRIAS DOS PORTUGUESES - PÁSCOA 2016
> NORTE-AMERICANOS SÃO OS QUE MAIS GASTAM NO PORTO E NORTE EM 2015
> METADE DOS PORTUGUESES VAI DE FÉRIAS NESTA PÁSCOA
> OFERTA TURÍSTICA REALINHADA COM AS NOVAS TENDÊNCIAS DO MERCADO
> QUASE METADE DOS TURISTAS QUE VISITAM O PORTO E NORTE VIAJAM SOZINHOS
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM A CABO VERDE PARA DOIS
> ÍNDICE DE CONFIANÇA NO SETOR DO TURISMO ATINGE VALOR MAIS ELEVADO DE SEMPRE
> 8 EM CADA 10 PORTUGUESES VAI GOZAR FÉRIAS FORA DE CASA NESTE VERÃO
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UM FIM-DE-SEMANA NOS AÇORES PARA DOIS
> PROCURA EXTERNA E INVESTIMENTO PRIVADO VÃO AUMENTAR NOS PRÓXIMOS MESES
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM À MADEIRA PARA DOIS
> SOL E MAR E SHORT BREAKS SÃO OS MOTIVOS QUE LEVAM TURISTAS AO PORTO E NORTE
> QUATRO EM CADA 10 PORTUGUESES VÃO DE FÉRIAS NESTE NATAL E RÉVEILLON
> PERCEÇÃO DOS TURISTAS EM VISITA A PORTUGAL
> 2017 VAI TRAZER NOVOS RECORDES AO TURISMO
> 9 EM CADA 10 PORTUGUESES VAI GOZAR FÉRIAS ESTE ANO
> INTENÇÕES DE FÉRIAS DOS PORTUGUESES PARA A PÁSCOA
> MAIS DE METADE DOS PORTUGUESES VAI GOZAR FÉRIAS NESTA PÁSCOA
> TURISTAS QUE VISITAM O PORTO E NORTE GASTAM CADA VEZ MAIS NO DESTINO
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM A PORTO SANTO PARA DOIS
> NÍVEL DE CONFIANÇA NO SETOR DO TURISMO ATINGE NOVO MÁXIMO
> 8 EM CADA 10 PORTUGUESES VÃO GOZAR FÉRIAS FORA DE CASA NESTE VERÃO
> TURISMO SUPEROU EXPETATIVAS NO VERÃO
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM A MARRAQUEXE PARA DOIS
> TURISTAS QUE VISITAM O PORTO E NORTE PARTILHAM CADA VEZ MAIS NA INTERNET
> PORTUGUESES VÃO GASTAR MAIS NAS FÉRIAS DE NATAL E FIM-DE-ANO
> 9 EM CADA 10 PORTUGUESES VÃO GOZAR FÉRIAS ESTE ANO
> SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE JÁ TEM PLANO ESTRATÉGICO E DE MARKETING PARA O TURISMO
> TURISMO MANTÉM OTIMISMO PARA O VERÃO
> PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM A DJERBA PARA DOIS
> 8 EM CADA 10 PORTUGUESES VÃO GOZAR FÉRIAS FORA DE CASA NESTE VERÃO



MAIS INFORMAÇÕES
OUTRAS NOTÍCIAS
8 EM CADA 10 PORTUGUESES VÃO GOZAR FÉRIAS FORA DE CASA NESTE VERÃO
2018-06-20

Estudo do IPDT indica que as praias portuguesas são o destino escolhido pela maioria dos que vão de férias.

PARTICIPE E HABILITE-SE A GANHAR UMA VIAGEM A DJERBA PARA DOIS
2018-05-23

Passatempo do estudo de intenções de férias dos Portugueses para o Verão de 2018 decorre até 7 de junho.

TURISMO MANTÉM OTIMISMO PARA O VERÃO
2018-05-21

O índice de confiança médio no desempenho do setor mantem-se acima dos 82 pontos e as perspetivas para o verão são animadoras

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE JÁ TEM PLANO ESTRATÉGICO E DE MARKETING PARA O TURISMO
2018-02-28

Presidente do IPDT, consultor do projeto, apresenta a estratégia no dia 1 de março no decorrer da Bolsa de Turismo de Lisboa.

Carregar mais
INFORMAÇÃO PARA OS MEDIA

Os sumários dos estudos desenvolvidos estão disponíveis para os meios de comunicação acreditados. Por favor contacte:
Direção de Comunicação IPDT
Daniela Rodrigues

+351 226 097 060
Se desejar outro tipo de informação por favor preencha o formulário: